Subconcessão STCP e Metro do Porto: nova tentativa, mas com caderno de encargos inalterado

0

A subconcessão do Metro do Porto e da STCP (Sociedade de Transportes Coletivos do Porto) poderá não ter de aguardar pela próxima legislatura para se concretizar. Segundo a informação adiantada hoje pelo Jornal de Negócios, as administrações das duas empresas preparam-se para convidar vinte entidades a participar no novo concurso.

As entidades contactadas serão as mesmas que em 2014 levantaram o caderno de encargos para a subconcessão dos transportes públicos do Porto. Sabe-se, porém, pela informação que está a ser noticiada, que o caderno de encargos para este novo concurso não será alterado face ao anterior.

Grupo Barraqueiro, Alsa / National Express, Keolis, Avanza, RATP e Câmara Municipal do Porto integram o leque das empresas e organizações futuramente contactadas para a aferir o respetivo interesse no relançamento do concurso.

A nova corrida aos transportes públicos portuenses deve acontecer ainda antes das eleições legislativas, marcadas para dia 4 de outubro, sendo que o processo só avançará caso as administrações da STCP e do Metro do Porto garantam a apresentação de propostas vinculativas de, pelo menos, dois candidatos idóneos. Resta aguardar para verificar a eficácia desta estratégia, que levanta algumas reservas dada a decisão de manter inalterado o caderno de encargos para os dois concursos.

O órgão de comunicação social Transportes em Revista recolheu as opiniões de algumas das vinte entidades que serão contactadas e aferiu junto delas que “no seu conjunto, o concurso anterior não era viável economica e financeiramente, tendo sido essa a razão exclusiva para a não participação de todas as entidades, exceto duas, que levantaram o caderno de encargos.”

Mantenha os seus veículos de transporte na linha. Saiba mais.

Share.
Saiba mais sobre:   Nacional

Leave A Reply