STEF obtém crescimento de 2,2% no primeiro semestre

0

O grupo STEF alcançou na primeira metade de 2015 um crescimento de 2,2% face ao período homólogo de 2014. A empresa especializada no transporte frigorífico de mercadorias confirma assim a tendência de crescimento sadio que os números relativos ao segundo trimestre já deixavam antever.

O Grupo STEF registou um volume de negócios de 1,36 milhões de euros no primeiro semestre deste ano, um crescimento de 2,2 por cento face a igual período de 2014. Este resultado foi alcançado graças ao ligeiro aumento do consumo alimentar na Europa, assim como à consolidação da operação em França, que se seguiu à integração da Ebrex. Este ambiente mais favorável suportou a forte dinâmica das atividades europeias (+ nove por cento), associada aos desempenhos registados no Sul da Europa e ao êxito da implementação na Holanda.

O Grupo STEF efetuou investimentos de 68 milhões de euros, que se traduziram na aquisição de imobiliário na Suíça e em Itália, de um armazém de frescos em Mairano, perto de Milão, e ampliações nas plataformas em Portugal (Porto) e em França (Athis-Mons, Niort, Mions).

O grupo prossegu, e a sua estratégia para garantir as posições que ocupa em França. Visível, no primeiro semestre, ao assumir o controlo da sociedade GEFA, detentora de um armazém de produtos congelados (75.000 m3) em Clermont-Ferrand, pela aquisição da sociedade Entrepôts Frigorifiques Berry Périgord, proprietária de um armazém de congelados (36.000 m3) em Dordogne, e pelo aumento da participação para 49 por cento no capital da rede francesa de transporte de frutas e legumes Primever.

No segundo semestre, a STEF anunciou que irá concentrar-se em confirmar a boa resistência dos seus dispositivos em França e em apoiar um maior dinamismo das atividades domésticas na Europa.

Por: Carlos Moura | Fonte: Transportes em Revista

Facilite a gestão do tacógrafo digital do seu camião.

Share.
Saiba mais sobre:   Negócios e Empresas

Leave A Reply