Serviços mínimos anunciados devido a pré-aviso de greve dos estivadores

0

O pré-aviso de greve emitido hoje pelo Sindicato dos Estivadores para o Porto de Lisboa e que se estende no até ao dia 27 de Maio, levou o governo a fixar serviços mínimos para os portos de Portugal.

Ana Paula Vitorino, ministra do Mar, justifica “Foi decidido fixar serviços mínimos que assegurem a satisfação de necessidades sociais básicas e impreteríveis”

Os trabalhadores ficam também obrigados a garantir as “operações que tenham por objeto medicamentos e artigos ou equipamentos de utilização ou consumo hospital”, bem como a “movimentação de mercadorias nocivas ou perigosas” caso se comprove que possam colocar em risco pessoas, estruturas ou equipamentos.

No âmbito dos serviços mínimos tem também de ser garantida a carga e descarga “essencial à economia nacional” que se destine à “satisfação de necessidade sociais impreteríveis igualmente pré-determinadas com essa natureza”, de mercadorias deterioráveis e de matérias-primas para alimentação, assim como de animais vivos.

Na origem destes sucessivos pré-avisos de greve, está a falta de entendimento entre estivadores e operadores portuários sobre o novo contrato de trabalho.

Fonte: Notícias ao Minuto (adaptado) | Fonte (imagem): Público

Vigie a atividade dos veículos da frota da sua empresa com soluções de localização por GPS.

Share.
Saiba mais sobre:   Atualidade e Ambiente

Leave A Reply