Mota-Engil negoceia com a holding turca Yildirim a venda da Tertir

0

O setor portuário português pode estar perto de receber um novo agente. A Yildirim Holding, empresa turca com vasto património e atividade na área, está em conversações com a Mota-Engil para comprar a área de transportes detida em Portugal pela construtora portuguesa. O negócio incidirá, por isso, sobre a aquisição da Tertir e das várias empresas e participações que detém. A Transportes em Revista avança que o negócio rondará os 300 milhões de euros.

Logotipo da Tertir.A Mota-Engil está em negociações com os turcos da Yildirim Holding para vender a área de transportes em Portugal. Ao que a Transportes em Revista apurou, o negócio é referente à Tertir e engloba a totalidade das empresas e participações, destacando-se do conjunto a Liscont, que detém a operação do Terminal de Contentores de Alcântara Sul, a Sotagus – Terminal de Contentores de Santa Apolónia e a Takargo, operador ferroviário de transporte de mercadorias.

No grupo estão também Multiterminal – Sociedade de Estiva e Tráfego, S.A.; a Sadoport – Terminal Marítimo do Sado, S.A; a Socarpor – Sociedade de Cargas Portuárias (Aveiro), S.A.; a Sotagus – Terminal de Contentores de Santa Apolónia., S.A.; a participação no TCL – Terminal de Contentores de Leixões S.A.; a Tersado – Terminais Portuários do Sado, SA; os transitários E. A. Moreira – Agentes de Navegação, S.A.; SEALINE – Navegação e Afretamentos, Lda.; Transitex – Trânsitos de Extremadura, S.A.; Sonauta e participação na plataforma LOGZ – Atlantic HUB, S.A.

Logotipo da Yildirim Holding.De acordo com fontes da Transportes em Revista, embora ainda não se saiba o valor da venda, o negócio deverá rondar os 300 milhões de euros, introduzindo um novo player no mercado nacional. De resto, a Yildirim Holding tem vindo a fazer aquisições sucessivas no setor portuário mundial. A empresa assume como objetivo fazer “aquisições estratégicas para expandir o grupo”, gerindo já, através da Yilport Holding, sete portos e terminais de contentores e seis portos secos. No seu relatório anual, referente a 2014, a Yildirim assume mesmo ser seu objetivo alcançar o top 10 mundial da gestão portuária até 2025, e adquirir, pelo menos, dois portos todos os anos.

A Yildirim está no mercado desde 1963, tendo iniciado a sua internacionalização em 2008, com a aquisição de uma empresa sueca. Hoje tem operações em 19 países de quatro continentes e emprega mais de nove mil pessoas. Gerida por três irmãos – Ali Riza, Robert Yuksel e Mehmet Yildirim –, tem negócios na área portuária, de shipping, logística, construção naval e energia, entre outras. Na Europa, e para além do mercado turco, está já presente na Bélgica, Holanda, França, Malta, Suíça, Irlanda, Reino Unido, Suécia, Russia e Noruega, destacando-se a sua participação de 24 por cento na CMA CGM França.

Por: Andreia Amaral | Fonte: Transportes em Revista | Fonte (imagem): Sotagus.pt

Mantenha a sua frota de pesados “na linha” com a tecnologia de localização por GPS.

Share.
Saiba mais sobre:   Negócios e Empresas

Leave A Reply