Grupo mexicano ADO fará queixa contra Estado Português

0

O grupo mexicano ADO irá processar o Estado português, após o recuo na concessão da Carris e do Metro de Lisboa, recorrendo para isso ao tribunal arbitral internacional de Washington.

O grupo irá invocar uma quebra de confiança e frustração de expectativas por parte das autoridades portuguesas, num desperdício não só de tempo como de dinheiro na elaboração de estudos e preparação da candidatura. No total dos oito anos, o ADO iria receber 1.075 milhões de euros para assumir a gestão das duas empresas de transportes públicos da área metropolitana de Lisboa.

Já o Estado português parece não ver razão para indemnizar empresas que vençam os concursos públicos, e que posteriormente vejam os contratos serem cancelados. O Ministro do Ambiente afirmou mesmo que “O Governo não acha que seja necessário pagar qualquer indemnização a estas empresas”, adiantou João Matos Tavares

Fonte: Observador

Siga os percursos da sua frota de pesados por terras francófonas e em mais de vinte países europeus – saiba como aqui.

Share.
Saiba mais sobre:   Negócios e Empresas

Leave A Reply