Como evitar paragens forçadas e inesperadas

0

Seja um furo num pneu ou uma falha no motor, as paragens podem ocorrer de forma inesperada, sendo que para além de irritarem e desestabilizarem o motorista, provocam prejuízos para as transportadoras.

Então como é que se pode prevenir estas paragens?

O setor dos transportes tem-se debatido sempre com este problema – paragens inesperadas e com elevados prejuízos. Do ponto de vista de uma transportadora, uma paragem deste género, tem em média um custo de 1000 euros por paragem, diz a Volvo.

Mas a solução?

A solução poderá passar por termos camiões conectados, que possam enviar em tempo real, dados que dêem informações essenciais para detetar falhas e planear futuras viagens.

Através de vários estudos, foi possível concluir que oito em cada dez paragens poderiam ter sido evitadas se os serviços de planeamento passassem de check-ups regulares para intervenções cirúrgicas, baseadas nas necessidades do veículo, sendo que essas necessidades seriam reportadas através da conectividade do camião.

Actualmente existem soluções tecnológicas que permitem controlar a actividade de um camião verificando anomalias na circulação e no seu funcionamento. É com esse propósito que empresa multinacional portuguesa Inosat desenvolve aparelhos que conferem uma clara visão do estado da viatura impedindo quebras na produtividade e eficiência do camião.

Fonte : Volvo Blog | Fonte (imagem) : Volvo

Share.
Saiba mais sobre:   Tecnologia e Inovações

Leave A Reply