Campo de refugiados gera tensão com camionistas

0

Camionistas e lojistas da região de Calais, Norte de França, ameaçaram bloquear os acessos aos portos do Canal da Mancha como forma de protesto perante a permanência do campo de refugiados na região. A notícia foi avançada pelo jornal britânico The Sun.

Os manifestantes estão cientes do impacto destas ações, afirmando que as táticas suaves não surtiram efeito “Estamos a mudar as nossas táticas depois do uso de métodos suaves e não obtemos mais nada do que promessas do Estado que está a dar prioridade ao bem-estar dos migrantes acima da dos comerciantes, trabalhadores portuários, transportadores, turistas e agricultores” explicaram os Membros da Associação de Comerciantes de Calais.

A exigência de ações imediatas por parte do Estado francês não terá sido atendida, levando os camionistas e empresários locais a planear um protesto que poderá ter início na próxima semana.

Esta paralisação irá afetar todos aqueles que utilizam o ferry para passar a fronteira. A decisão, essa, está tomadaNão vamos libertar a autoestrada até que o Estado nos dê a data em que irá demolir de vez a selva da zona norte” referem os comerciantes locais.

Fonte: A Bola (adaptado) | Fonte (imagem): El Confidencial

Siga os percursos da sua frota de pesados por terras francófonas e em mais de vinte países europeus – saiba como aqui.  

Roubo de combustível: quanto custa à sua empresa?

Dependendo da tipologia de veículo e da respectiva capacidade dos depósitos, um único roubo de combustível pode representar para a empresa um prejuízo que pode ir desde algumas dezenas de euros até…
Leer Mais »

Share.
Saiba mais sobre:   Atualidade e Ambiente

Leave A Reply