Bloco quer abolição imediata de portagens na A23

0

O grupo parlamentar do Bloco de Esquerda, através do projeto de resolução enviado hoje à Agência Lusa, manifesta a vontade de ouvir a Assembleia da República quanto à “abolição imediata da cobrança de taxas de portagens em todos os troços da A23”

O Bloco de Esquerda (BE), considera que a autoestrada da Beira Interior (A23) que atravessa os distritos da Guarda, Castelo Branco, Santarém e Portalegre, è uma via de “acessibilidade estruturante e estratégica”.

Segundo o BE, “Perante tal evidência, é um fator de coesão territorial e de promoção do desenvolvimento económico para várias regiões que enfrentam graves problemas de isolamento, depressão e desertificação”, adiantando ainda que a isenção de portagens “é inteiramente justificada  pelos seus impactos sociais e económicos, sobretudo nas regiões em que não estão garantidas alternativas do ponto de vista do transporte individual e coletivo”.

Outra das considerações feitas sobre este assunto, remete para o impacto que esta “cobrança” tem não só para a vida das populações locais, como também para as empresas dos distritos abrangidos “São zonas muito atingidas pelo desemprego, precariedade e exclusão social e as portagens agravaram dramaticamente a crise económica e social”, defende o partido.

Fonte: Notícias ao Minuto (adaptado)

Simplifique a gestão do tacógrafo digital do seu camião com o Inotacógrafo.

Share.
Saiba mais sobre:   Atualidade e Ambiente

Leave A Reply