Autoridades da Catalunha acreditam que condutor adormeceu ou distraiu-se

0

As suspeitas de homicídio por negligência, que recaem sobre o condutor do autocarro que envolveu 63 pessoas e provocou a morte de 13 delas, estão a ganhar cada vez mais força junto das autoridades da Catalunha.

As autoridades apontam o “erro humano” como a principal causa do acidente, estando ainda por apurar concretamente qual o comportamento que poderá ter originado o despiste.

Para Miquel Esquius, comissário de Mobilidade da polícia catalã, revela “Parece-nos que o erro humano foi o condutor poder ter adormecido. É a hipótese que ganha mais força. Também estamos a ver outras, como o do telemóvel, se lhe deu algum uso ou não [enquanto conduzia]”

O condutor do autocarro, que foi o único ferido grave do acidente com sintomas de contusão pulmonar, foi inicialmente ouvido pela polícia da Catalunha, fazendo testes para consumo de drogas e álcool, que deram negativo em ambos os casos.

As suspeitas não passam de especulações até ao momento, a verdade é que o mediatismo do caso está a pressionar as autoridades para o apuramento de responsabilidades.

Fonte: Correio da Manhã (adaptado)

Simplifique a gestão do tacógrafo digital do seu camião com o Inotacógrafo.

Share.
Saiba mais sobre:   Atualidade e Ambiente

Leave A Reply