Antram critica insultos a camionistas no porto de Lisboa

0

A Antram manifestou o seu desagrado para com o cenário de hostilidade vivido no porto de Lisboa, dizendo que “a atividade de transporte rodoviário de mercadorias em nada interfere com os direitos, fundamentos ou objetivos da greve dos estivadores”.

Durante o processo de retirada das cargas, efetuado por vários camiões, os estivadores intensificaram o seu protesto, tendo mesmo vaiado e insultado os camionistas em serviço.

A Antram manifestou o seu desagrado para com o cenário de hostilidade vivido no porto de Lisboa

A Antram manifestou o seu desagrado para com o cenário de hostilidade vivido no porto de Lisboa

Esta atitude foi rapidamente repudiada pela Antram que refere que “não pode deixar de repudiar qualquer acto hostil, por parte dos piquetes de greve para com os seus associados ou para com os motoristas ao serviço destes, quando se desloquem aos terminais do porto de Lisboa para carregar ou descarregar contentores”

A associação pretendeu ainda demarcar as transportadoras que representa, bem como os seus colaboradores e camionistas, das questões laborais que estão a ser defendidas pelos estivadores e que motivaram a sua greve “os transportadores apenas procedem ao transporte dos contentores por solicitação dos seus clientes, os quais são carregados nos terminais pelos operadores portuários, não lhes cabendo qualquer verificação sobre o seu conteúdo ou da conformidade do transporte com o cumprimento do acordado entre as empresas operadoras portuárias e o sindicato dos estivadores de serviços mínimos” sublinhou a Antram em comunicado.

Fonte: Jornal de Negócios (adaptado) | Fonte (imagens): Jornal da Madeira; Expresso

Mantenha “na linha” a sua frota de pesados de passageiros com localizadores GPS/GSM.

Share.
Saiba mais sobre:   Atualidade e Ambiente

Leave A Reply